A - B - C - D - E - F - G - H - I - J - K - L - M - N - O - P - Q - R - S - T - U - V - W - X - Y - Z

 

OLIVEIRA, José Jurandir  

veja JURANDIR, José.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

OLIVEIRA, José L. de  

(Maceió - AL 17/09/1909). Poeta, comerciante. Filho de Manoel Gabriel de Oliveira e Lucia Lopes de Oliveira. Estudou na Academia Alagoana de Comércio. Mudando-se para o Rio de Janeiro, foi Diretor da Associação Comercial do RJ. Obra: Versos Que o Silêncio Me Ensinou, prefácio de Esdras Gueiros, Rio de Janeiro: Irmãos Pongetti, 1934.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

OLIVEIRA, José Ramos  

(? - ? 12/08/1966). Maestro e compositor. Autor do Hino do Centenário da Associação Comercial de Maceió e do dobrado José Joaquim de Oliveira.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

OLIVEIRA, José Roberto Guedes de  

(Capivari - SP 12/12/1944). Graduado em Direito pela Faculdade de Direito de Itu (PADITU). Pós-graduação em Economia do Trabalho e Sindicalismo, pelo Instituto de Economia, da UNICAMP. Membro da Academia Indaiatubana de Letras. Organizou, entre outros trabalhos: Cartas de Octavio Brandão - Memória, Florianopólis, Editora UFSC, 2005, prefácio de Fernando Henrique Cardoso; Octávio Brandão: Dispersos e Inéditos, Recife: Gráfica Brascolor, 2008, prefácio de Vitor Montenegro Wanderley. Artigo em periódico: O Viçosense Octávio Brandão e sua Brasilidade, in Revista do Arquivo Público de Alagoas, Maceió: Arquivo Público de Alagoas, ano 2, n. 2, 2012, p. 249-265.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

OLIVEIRA, José Ronaldo Pereira de nome artístico J. Ronaldo  

 (Maceió - AL 26/04/1942). Pintor. Curso de Pintura na Escola Industrial Deodoro da Fonseca, com Lourenço Peixoto. Participou de exposições em Penedo, Delmiro Gouveia, Porto Calvo e Maceió.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

OLIVEIRA, José Rosa de  

(AL ???). Padeiro, vidraceiro. Presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Padaria, na década de 1950. Em 1958, compôs a chapa de candidatos nacionalistas disputando uma cadeira para a Câmara Municipal de Maceió. Depois de 1964, deixou a militância comunista, ingressou em outra atividade profissional, a de vidraceiro, mas permaneceu convivendo com o círculo de pequenos comerciantes do Centro de Maceió, que eram vinculados ao PCB, segundo Geraldo de Majella.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

OLIVEIRA, José Sebastião de dito Mestre Sebastião  

 (??? /07/1948 -Viçosa - AL 20/04/2010). Mestre de Guerreiro. Foi discípulo de Mestre Osório, também de Viçosa. Em 2009 recebeu o título de Patrimônio Vivo do Estado.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

OLIVEIRA, José Valdemar de  

(AL?). Com o conto A.S.S.A. participou da Coletânea Alagoana Contos e Poesias, Fundação Cultural Cidade de Maceió: Maceió: ECOS, 1998, p. 65-69. Recebeu, em 1998, o prêmio Graciliano Ramos, da AAL, na categoria romance.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

OLIVEIRA, João Berchmans Lima de  

(AL?). Obra: Os Sufixos no Léxico Espanhol. Tese de Concurso à Cadeira de Espanhol no Colégio Estadual de Alagoas, Maceió, 1953.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

OLIVEIRA, João Gomes de conhecido como João Caboclo Linho de Alagoas  

 (Pão de Açúcar - AL 23/03/1930). Poeta repentista, cordelista. Filho de Terto Gomes de Oliveira e Alcina Maria Bezerra. Depois de passar pelas usinas Ouricuri e São José, Canafístula do Cipriano, em 1947, inicia seu trabalho de poeta repentista, cordelista. Como poeta repentista, percorreu o Nordeste do Brasil e cantou com grandes improvisadores. De 1957 a 1980, residiu em Juazeiro do Norte - CE, onde se instalou com um box no mercado, vendendo artigos religiosos. Conviveu com o patrono Rodolfo Coelho Cavalcanti, em Juazeiro, quando foi delegado do Grêmio Brasileiro de Trovadores. Nos últimos anos se dedica a palestras e apresentações folclóricas em escolas de Arapiraca. Faz um programa na rádio comunitária A Voz do Povo, a Voz de Deus, onde recita poemas, canta repentes e faz comentários sobre folclore. Membro da ACALA, onde ocupa a cadeira nº 07. Participou da coletânea Canteiros de Poesia, lançada pela ACALA, 1988; Flor da Poesia, ??; Padre Cícero em Poesia, ??; Os Astros da Poesia, ???; Presente de Poesia, ???.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

7 . 8 . 9 . 10 . 11 . 12 . 13 . 14 . 15